28 agosto, 2011

KARAOKÊ: A EXPERIÊNCIA

Olá, afinado leitor.

Agita a alma do povo, sacode a cabeleira de toda a gente, quem é que pode dizer o que mais faz a nossa voz vazar por todos os canais de áudio da nação do que ir a um karaokê no final de semana?

Amigos, a ocasião é de soltar o pequeno Pavarotti que existe dentro de você e deixar que o mundo diga qual é a sua nota, de zero a dez. Não tenha medo, pegue o microfone e siga seu coração.

Só precisa: chamar os amigos (se tiver algum), preparar o gogó e ter habilidade no manejo de controle remoto.

Nunca tinha frequentado um karaokê enquanto estabelecimento comercial exclusivo desta arte milenar. Neste final de semana fui à uma autêntica casa do ramo e posso dizer que a sensação é única, é voraz, é inebriante, é salutar. É preciso estar bêbado.

Chegando no karaokê o que você tem a fazer é sentar e esperar que alguém dê início aos trabalhos. Isso pode levar horas, vá com uma roupa confortável e com muita disposição para afogar sua timidez pueril em muitos copos de cerveja (nela esteja sua solidão).

fazendo conta de cabeça Daqui.

Aguarde aproximadamente 75 minutos até que um caboclo de alma boa finalmente se prontificará a cantar a primeira música, mais por culpa em estar pagando pela hora em um karaokê e não estar cantando do que por vontade de cantar, verdadeiramente. No frigir dos ovos isso não faz diferença alguma, por que nascemos só pra cantar.

Cerveja vai, cerveja vem. O dono do local deixa garrafas na porta da sala, como uma oferenda gelada aos deuses da melodia. Pelo andar da carruagem é de se pensar que os deuses da melodia odeiam cerveja, por que.

A cantoria vai de mal a pior, embora a empolgação e a conversa paralela já tenham ido até a Lua e voltado. Falando em ir e voltar, alguns inconsequentes escolherão músicas e sairão pra fumar bem na sua vez de cantar, fazendo com que tímidos incautos tenham que se responsabilizar por canções que não lhe dizem nada.

Não lhe dizem nada e assim a noite prossegue.

Vai ter um manolo carrancudo que fará cara feia para cada música tosca escolhida, o que é prova de muito comprometimento com o programa, já que via de regra 99% das músicas cantadas em karaokê são toscas.

Você descobrirá novas amizades, pensará com carinho em seus desafetos e deixará saudade do tempo em que as pessoas guardavam seu talento vocal para o chuveiro.

Mas você foi avisado.

Related Posts with Thumbnails